quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

ÓLEO DE COCO LICURI

Olá, pessoal! Estou muito feliz em poder fazer esse post pois ele une várias coisas que eu gosto muito, em um texto só: um produto de primeira qualidade, preço acessível, história e responsabilidade social. Estou falando do Óleo de Coco de Licuri, um produto riquíssimo, com uma gama de utilidades imensa e cujo consumo ajuda não apenas às famílias que trabalham na extração do óleo, como também a diversos projetos sociais das regiões interioranas do sertão brasileiro.

Antes de mais nada, vamos entender o que é tal licuri:

O licuri [também conhecido como ouricuri, coqueiro-cabeçudo e ouro do sertão] é o fruto do licurizeiro, planta nativa do sertão do nordeste e que tem uma imensa versatilidade de utilização. Tudo se aproveita dessa planta: do tronco é retirado o palmito, da palha é feito o artesanato, dos frutos são feitos doces / bebidas / compotas, etc, as amêndoas também são aproveitadas e, delas, é extraído o poderoso óleo do qual vou falar nesse post. Tudo o que essa planta proporciona é a razão da sobrevivência de diversas famílias.



Para falar do óleo, eu preciso deixar claro um detalhe importante: ele é tão ou mais rico e eficaz do que o tradicionalóleo de côco "da praia", que encontramos à venda por aí a preços estrambólicos. E para tudo o que usamos o óleo de coco "comum", podemos substituir pelo óleo de coco de licuri sem medo de ser feliz. Inclusive em receitas culinárias, para enriquecer pratos doces ou auxiliar em dietas de controle de colesterol! Ou seja: dá pra aproveitar a coqueluche e "modinha" do óleo de coco e utilizar o de licuri que custa menos, rende mais, trata igual e ainda ajuda as famílias que trabalham arduamente nas plantações licurizeiras. Não é demais? Beleza, saúde e sustentabilidade, tudo em uma coisa só!



Uma coisa que eu adorei no óleo e licuri é o fato dele raramente solidificar. Claro que, desconfiada que sou, meti um pouco dele na geladeira para saber se rolaria a solidificação [pois ela funciona como um filtro de "pureza" dos óleos de coco em geral]. Rolou, virou manteiguinha! Mas em temperatura ambiente, ele fica oleoso mesmo e eu acho isso o máximo pois já fica pronto pra o uso sem ter que ficar esquentando e tudo o mais. Prático. Gosto assim!

O óleo de licuri tem cheiro de coco... Mas não de coco "cocada doce" como o óleo "comum", e sim de coco FRUTA, sabe? Tem cheirinho de praia, um cheirinho de interior, de final de tarde de férias... Não sei explicar, mas é cheiro de natureza, não de coisa preparada.


O aroma não me incomoda em nada e eu tenho usado ele em umectações, para enriquecer cremes de nutrição de cabelos, para fazer LOC e deixo uma garrafinha com óleo de licuri aromatizado [com um pouco de essência de morango com champanhe] para passar no corpo durante o banho. Em todas as funções, o óleo de licuri tem se mostrado perfeito!

Nos cabelos, senti que ele deixou um brilho magnífico, nutriu profundamente e virou meu óleo queridinho para a técnica LOC, pois sinto que os fios absorvem muito bem o óleo, sem que fiquem ensebados nem pesados. Curti muito! O legal é que uma das indicações de uso, que vem escritas na própria garrafinha, sugere que pode ser usado para prevenir queda de cabelo, caspa e o envelhecimento dos fios. Suuuper to usando assim, gente. To fugindo com força dos cabelos brancos, ó.

Na pele, ele nutriu, manteve a hidratação natural e deixou muito macia. E eu gosto de ser macia. O produto faz as vezes de óleo de banho, mas sem deixar a pele escorregadia como os óleos industrializados. Aprovadíssimo.




Agora, na minha opinião, uma parte muito interessante disso tudo: O LITRO DESSE VERDADEIRO OURO EM FORMA DE ÓLEO É APENAS 12 REAIZINHOS. Baratíssimo. E to falando DO LITRO!!!


Ok, vai... Eu confesso que logo de cara eu não comprei o litro pois achei muita coisa para fins de teste, mas comprei 500ml que, por sinal, já estão acabando.

Se vou comprar de novo? SIM ou COM CERTEZA? Super vou

Um comentário:

Giselle Barros disse...

Legal, obrigado pela informação Lu... Bjs